Produção brasileira de cerveja cresce 4,3% em 2014, segundo Sicobe

A produção brasileira de cerveja encerrou 2014 com um crescimento de 4,3% em comparação com 2013. Segundo dados do Sistema de Controle de Produção de Bebidas (Sicobe), da Receita Federal, a fabricação da bebida totalizou 14,046 bilhões de litros de janeiro a dezembro do ano passado, ante 13,470 bilhões de litros produzidos no período anterior. Com esse resultado, o setor reverteu a queda de 2,6% registrada em 2013.

O crescimento da produção brasileira de cerveja de 2014 é a maior alta da série iniciada em 2010. A expansão de 4,3%, no entanto, ficou abaixo das estimativas do setor. A expectativa da Associação Brasileira da Indústria da Cerveja (CervBrasil) era de um crescimento anual de 5,1%. Em dezembro, a produção de cerveja totalizou 1,405 bilhão de litros, volume 5,1% inferior aos 1,481 bilhão de litros fabricados em dezembro de 2013, o que pode ser a explicação da queda do desempenho previsto. Já o aumento da produção em 2014 é atribuído, principalmente, à Copa do Mundo, ao carnaval tardio e as elevadas temperaturas.

A cerveja foi um dos alimentos que mais pesaram no bolso do consumidor na hora do pagamento em 2014: aumento de 9,28% mais caras no supermercado e praticamente 10% mais caras no bar. A inflação geral no país fechou o ano passado em 6,41%: acima do centro (4,5%), mas abaixo do teto (6,5%) da meta do governo. Só o setor de “Alimentação e Bebidas”, responsável por praticamente um terço do índice, teve alta de 8,03% com impacto de 1,97 ponto percentual.

Para 2015, a expectativa da CervBrasil é de continuação de crescimento da produção brasileira de cerveja como em 2014, com um cenário de estabilidade em produção e com oportunidades de crescimento, apesar do cenário econômico mais difícil no país.

Fonte: G1; R7; 180graus

 

nv-author-image

Luís Celso Jr.

Luís Celso Jr. é jornalista e sommelier de cervejas premiado. Também é professor, juiz e consultor de cervejas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *