Notícias

Cerveja “transgênica” pode fazer tão bem quanto o vinho

Não é de hoje que a ciência descobriu que o vinho pode ser um santo remédio. Ele tem a capacidade de proteger o ser humano de doenças cardiovasculares, se ingerido em doses pequenas e regularmente. É o efeito do revesratrol, substância naturalmente encontrada no vinho tinto e no suco de uvas escuras, acreditam alguns cientistas.

Bem, agora alunos da Universidade Rice, de Houston, no Texas, anunciaram que estão desenvolvendo uma cerveja contendo o tal do resveratrol. O segredo estaria em uma cepa geneticamente modificada de levedura cervejeira, capaz de produzir álcool e também a substância protetora. É a cerveja transgênica que faz bem à saúde!

Segundo matéria que encontrei no G1, o projeto foi criado para participar de um concurso nacional de engenharia genética. Os grupos de estudantes devem criar novos organismos vivos ou modificar estruturas já existentes a partir de um grupo de genes fornecido pela organização do concurso.

Eu acho que esses estudantes tinham segundas intenções. Querem uma desculpa ainda melhor para poder beber. Aliás, como muitos de nós. 🙂

Luís Celso Jr.

Luís Celso Jr.

Luís Celso Jr. é jornalista e sommelier de cervejas premiado. Também é professor, juiz e consultor de cervejas

Leave a Reply