Cervejeiro pode ser o Homem do Ano. Só depende do seu voto

Divulgação
Alexandre Bazzo, criador da cervejaria Bamberg, localizada em Votorantin (SP), pode se tornar o Homem do Ano. Ganha ele, ganha a cultura cervejeira

Alexandre Bazzo, criador da cervejaria Bamberg, de Votorantin (SP), é um dos concorrentes do Prêmio Homem do Ano de 2011, criado pela revista Alfa. Ele disputa com 45 personalidades brasileiras de diversas profissões, como atores, jogadores, políticos, etc.

Alexandre é o único do meio cervejeiro. Seu trabalho, premiado diversas vezes ao longo dos últimos dois anos, garantiu a indicação à vaga. Entre os títulos estão o de Melhor Cervejaria da América do Sul, na South Beer Cup, realizada na Argentina, e cinco medalhas de bronze no Australian International Beer Awards. Isso somente esse ano!

Porém, para isso acontecer, para Alexandre ganhar, é necessário que ele seja bem votado. Por isso, várias pessoas do meio cervejeiro estão torcendo e votando. Eu faço aqui minha parte.

Votem aqui para transformar o cervejeiro Alexandre Bazzo no Homem do Ano. A cultura cervejeira com certeza vai agradecer.

Acompanhe o Bar do Celso nos sites de redes sociais

– Twitter: http://twitter.com/bardocelso

– Facebook: http://www.facebook.com/bardocelso

– Foursquare: http://foursquare.com/bardocelso

– YouTube: http://www.youtube.com/bardocelso

– Orkut: Comunidade eu frequento o Bar do Celso

nv-author-image

Luís Celso Jr.

Luís Celso Jr. é jornalista e sommelier de cervejas premiado. Também é professor, juiz e consultor de cervejas. Leia mais sobre ele aqui e conheça oClube BarDoCelso.com aqui.

3 comentários em “Cervejeiro pode ser o Homem do Ano. Só depende do seu voto”

  1. Pinguço Maltado

    HUmm…. grande dilema?!??!?

    Votando neste cidadão estaria premiando um grande empresário ou “alimentando ” a nefasta indústria do alcool??????

  2. Olá, Sr. Pinguço. Isso depende do ponto de vista. Sem dúvida é um grande empresário. Mas não se trata de uma grande cervejaria ou destilaria. Além disso, são Cervejas Gourmet. Se você acha que tem alguma coisa aí de “nefasta indústria do alcool”, me aponte onde, por favor. Abraços

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *