Notícias

Mondial de La Bière terá mais de 600 rótulos e muitas atrações

By 18/11/2014julho 3rd, 2020No Comments

No ano passado tive o privilégio de participar dos quatro dias da 1ª edição do Mondial de La Biére Rio de Janeiro. Foi muito legal. O volume de novidades, lançamentos e atrações fez com que os quatro dias fossem pouco para aproveitar tudo. Esse ano não vai ser diferente. Com mais de 600 rótulos, o evento que acontece entre quinta-feira (20) e domingo (23), terá muitas atrações, personalidades e novidades para os amantes das cervejas artesanais. A expectativa da organização é receber cerca de 23 mil pessoas nos 4 mil m2 do Terreirão do Samba, no Rio de Janeiro. Um aumento de 15% em relação à 2013. Entre os destaques estão o Mbeer Contest Brazil, Bate Papos com Cerveja, shows, Petit Pub, Beer Boutique e muitos, muitos lançamentos.

Mbeer Contest Brazil

O concurso que elege as melhores cervejas da feira terá presença de juízes de renome, nacionais e internacionais. Jeppe Jarnit-Bjergsø, da cervejaria Evil Twin, Alexis Briol, da Brasserie St-Feuillien, Pablo Rodriguez, da Cervejaria Antares e Jeremy Marshall, da Lagunitas Brewing Company, estão entre eles. As premiações são dadas nas categorias ouro e platina. Além disso, há também o voto popular, que dá a oportunidade do público eleger suas prediletas.

Beer Boutique

mondial-de-la-biere-boutiqueGostou e quer levar pra casa? Esse é o lugar. É na Beer Boutique que são feitas as vendas de garrafas para abastecer os estoques dos cervejeiros durante o evento. Vale a penas ficar ligado nos preços, que podem até sair bem em conta. Esse ano o espaço é da SuperPrix Supermercados, uma das marcas patrocinadoras do evento, que promete mais de 300 rótulos.

Petit Pub

mondial-de-la-biere-lagunitasO pequeno bar do Mondial tem grandes novidades sempre. É lá que se encontram rótulos ainda inéditos no país, dos Estados Unidos e Canadá, e uma ótima dica se você não sabe por onde começar. Esse anos será possível encontrar cervejas da Le Trou Du Diable, Dogfish Head, Lagunitas brewing Company, Sierra Nevada e Stone Brewing Co., entre outras.

  • Brasseurs Du Monde
    • Ale De Hardy – 10.5%
    • L’assoiffé 10 – 9,2%
    • Exploité – 6,5%
    • Infusée – 5,4%
  • Brasserie Dieu Du Ciel !
    • Moralité – 6.5%
    • Péché Mortel – 9.5%
    • Rosée D’hibiscus – 5.9%
  • Le Trou Du Diable
    • La Buteuse 10.0%
    • La Dulcis Succubus – Brassin Spécial 7.0%
    • Le Sand D’encre 5.5%
  • Dogfish Head Craft Brewery
    • 90 Minute Ipa – 9.0%
    • Indian Brown Ale – 7.2%
    • Midas Touch – 9%
  • Lagunitas Brewing Co.
    • Lagunitas Ipa – 6.0%
    • Lagunitas Brewing Co. (Suite)
    • A Little Sumpin’ Sumpin’ Ale – 5.0%
    • Pils – 6.2%
  • Brewery Ommegang
    • Abbey Ale – 8.5%
    • Hennepin – 7.7%
    • Rare Vos – 6.5%
    • 3 Philosophers – 9.7%
    • Witte – 5.2%
  • Sierra Nevada
    • Pale Ale – 5.6%
    • Torpedo Ipa – 7.2%
  • Smuttynose Brewing Co.
    • Bouncy House – 4.3%
    • Vunderbar Pils – 5.10%
  • Stone Brewing Co.
    • Double Bastard – 11.2%
    • Imperial Russian Stout – 10.6%
    • Matt’s Burning Rosids – 10.5%
    • Quadrotacticle – 9.3%

Lançamentos e destaques

mondial-de-la-biere-garrafasAqui está a parte difícil. Difícil de escolher o que vai ser provado. São diversos destaques e lançamentos previstos para esse ano no Mondial de La Biére no Rio de Janeiro. Veja a lista enviada pela organização e se programe!

  • Cervejaria Bodebrown
  • Premiada em diversas edições do Mondial, a Bodebrown deve levar sua linha completa de cervejas e sua Kombipa, uma Kombi que serve chope. Nas torneiras, devem estar coisas como Montfort IPA Draft, Double Perigosa Carbenet Sauvignon e Wee Heavy Amburana Weber Haus, a segunda da sua série evelhecida em barris de madeira.
  • Cervejaria Sankt Gallen
    A Cervejaria Sankt Gallen, apresenta no Mondial a Therezópolis Or Blanc e a sua nova linha de cervejas especiais: a Harlekin. A novidade promete surpreender o paladar dos fiéis apreciadores de cervejas premium.

    • Harlekin Chiquita Bacana 7%: Com corpo macio e temperamento “caliente”, Chiquita Bacana é uma Blond Pepper Ale elaborada com água das montanhas de Teresópolis, malte pilsen, lúpulo e algumas pitadas de Pimenta-Aji e Páprica, especiarias de origem latino-americanas que nesta cerveja transformam o inverno em pleno verão.
    • Harlekin Araçá 4%: Refrescante como a brisa, assim que se apresenta Araçá, uma Brazilian Session IPA também desenvolvida com água das montanhas de Teresópolis, malte carahell e pilsen, lúpulos especiais e a fruta suculenta e azedinha da nossa Mata Atlântica que emprestou seu nome a esta cerveja.
    • Therezópolis Or Blanc – Belgian Witbier – 4,5%: é uma cerveja tradicionalmente produzida na Bélgica. Refrescante, tem corpo aveludado e coloração pálida, baixo amargor e é naturalmente turva por não ser filtrada. Seu aroma traz uma sutil nota de cítrica e de especiarias.
  • 2cabeças
    A 2cabeças, em parceria com a cervejaria Cuesta, de Botucatu-SP, apresenta a cerveja vermelha e lupulada, a IRA, produzida especialmente para o Mondial de la Bière.India Red Ale – 7,5%: cerveja com uma marcante cor vermelha, com dry hopping de amarillo e cascade. O destaque desta produção é que ela não leva nenhum malte caramelo ou pilsen. Esta cerveja foi feita com 100% malte Red-X, da Best Malz, que dá uma profunda coloração avermelhada sem puxar tanto o residual adocicado dos maltes caramelo. O estilo, que dá nome à cerveja, é uma fusão entre uma Red Ale e uma IPA, daí India Red Ale.mondial-de-la-biere-2cabecas-ira

 

  • Burgman
    Apresenta a Fumacê e a Casa Nova que aparece repaginada em edição especial de aniversário.

    • Fumacê – 5,7%: Promete deixar as celebrações de fim de ano ainda mais saborosas. Trata-se de uma Smoked Weiss feita com malte de trigo defumado e inspirada em receitas polonesas. Como característica mais marcante está a forte presença de notas que remetem à madeira e ao defumado, que contrapõem com as notas herbais do lúpulo Hallertau Tradition. Na boca, a cerveja que tem 20 IBU, 5,7% de teor alcoólico, coloração acobreada, levemente turva e espuma consistente, possui sabor de caramelo, com toque amadeirado e defumado.
    • Casa Nova – 6,5%: A edição de aniversário chega às prateleiras e gôndolas com adição extra de maltes Pilsen e Viena, e dose farta de lúpulos Magnum, Hersbrucker e Motueka. O dry-hopping, adição de lúpulo durante a maturação, feito com o neozelandês Motueka,atribui aromas cítricos e herbais à bebida. O resultado da alquimia é uma cerveja com 50 IBU, 6,5% de teor alcoólico, visual de cor dourado intenso, leve turbidez e espuma branca.
  • Colorado
    Vai apresentar novíssima Vixnu Victória, ainda em produção, será degustada em primeira mão durante o Mondial.

    • Vixnu Victória – Imperial IPA – 9,5%: variação da cerveja Vixnu, a Vixnu Victoria, matem as mesmas características da original, com rapadura e a mesma graduação alcóolica de 9,5%. A única variação é que parte da lupulagem original (americana), foi substituída pelo lúpulo Victoria. É um lúpulo originalmente argentino, muito utilizado na produção de IPAs, RED Ales e Stouts. Possui aroma cítrico e frutado.
  • Invicta
    Para comemorar os seus três anos, a cervejaria criou a Damiana.

    • Damiana – India Pale Ale 5,5%: Leva em sua composição apenas lúpulos alemães, o que é uma novidade para este estilo de cerveja, além de levar a planta de mesmo nome, que foi usada por nossos antepassados indígenas para melhorar o desempenho sexual.
  • Júpiter
    No Mondial serão apresentadas a Chipotle e a Habanero.

    • Chipotle – Porter – 6%: Cerveja colaborativa feita em parceria com a De Cabrón, fabricante dos melhores molhos de pimenta do Brasil. É receita de Brown Porter feita com um toque de malte defumado. As notas de chocolate dos maltes escuros se encaixam com as notas achocolatas e defumadas do chipotle De Cabrón. Picância moderada a leve
    • Habanero – Dubbel – 6,5%: Cerveja colaborativa feita em parceria com a De Cabrón, fabricante dos melhores molhos de pimenta do Brasil. Sobre a base de uma receita de cerveja de abadia com notas de caramelo e frutas secas adicionamos pimenta Habanero. Os aromas frutados aparecem com intensidade que é alcançada pelo ardor da pimenta. Picância moderada a intensa.
  • Weird Barrel Brewering Co.
    Inaugurada em setembro de 2014, a cervejaria caçula do Mondial, nasceu a partir de duas grandes referências do mercado cervejeiro que estão à frente do projeto. São os empresários Rafael Moschetta e João Becker, ambos ex-Cervejaria Colorado. A cerveja que tem ares piratas, apresenta as suas criações, Pirate´s Flip e Naughty Grog.

    • Pirate´s Flip – session IPA – 3,8%: Flip era o nome de uma bebida pirata que continha, entre outros ingredientes, o gengibre. Session IPA com gengibre e lúpulos Galena e Cascade.
    • Naughty Grog – black IPA – 7,8%: Grog era uma bebida a base de rum criada pelo Almirante Edward Vernon, o famoso Old Grog. Naughty, que em inglês significa desobediente, maldoso e mal criado descreve perfeitamente nossa versão desta lendária bebida. A bebida envelhecida em barril de Rum, tem os lúpulos Galena e Amarillo e dry hopping com Amarillo.
  • Brassaria Ampolis
    Apresenta no Mondial o seu novo rótulo, a Cacildis, mais uma homenagem ao humorista Mussum, a cerveja de puro malte é leve, refrescante e fácil de beber, perfeita para o nosso clima.

    • Cacildis – Premium American Lager – 5,0%: A cerveja é mais do que uma homenagem ao humorista Mussum, é uma cerveja puro malte de grande qualidade, leve, refrescante e fácil de beber, perfeita para o nosso clima! Dourada, de boa espuma e líquido cristalino, apresenta aromas de miolo de pão vindos do malte e frescor floral vindo do lúpulo. No paladar, a cerveja sacia a sede com prazer, pedindo mais um gole.
  • Cervejaria Fraga
    • Fraga Brown 5%: é uma cerveja escura que leva 3 tipos de malte e lúpulo americano, proporcionando notas de caramelo e chocolate no seu paladar, balanceando o amargor e deixando um final mais equilibrado. Possui aroma maltado, ligeiramente adocicado, com notas de chocolate, caramelo e leve tostado. Aroma moderado de lúpulo, ligeiramente cítrico, balanceado com o caráter maltado. Cor marrom escuro, com espuma quase branca. Médio a alto sabor de maltado, amargor médio. Teor alcoólico: 5%.
  • Cervejaria Mistura Clássica
    O próximo lançamento será a Vertigem IPA, uma west coast IPA que vem fazendo sucesso principalmente nos bares cervejeiros cariocas.

    • Vertigem – IPA 6,5%: a Vertigem IPA harmoniza com carnes acompanhadas de molhos fortes, comidas apimentadas e queijos fortes. A receita desta cerveja foi feita em parceria com os cervejeiros caseiros Eduarda Dardeau e Ricardo Rosa juntamente com o mestre cervejeiro da Mistura Clássica Severino Batista. De cor dourada, final seco e ligeiramente amargo, ela se destaca por possuir intensos aromas e sabores florais e frutados, provenientes de uma combinação de lúpulos americanos e australianos.mondial-de-la-biere-vertigem-mistura-classica

 

  • Cervejaria Noi
    O produto apresentado no evento será a Noi Cioccolato, uma Imperial Russian Stout.

    • Cioccolato – Imperial Russian Stout 12%: Cor negra. Espuma de cor bege e compacta. Aroma bem amadeirado e com notas que remetem ao carvalho (coco queimado e baunilha). Sabor similar e ainda defumado, notas de café e dulçor residual (chocolate). Sensação adstringente, corpo alto e álcool presente. Final longo e de chocolate amargo.
  • Cervejaria Cevada Pura
    A cervejaria de Piracicaba apresenta a Lemondrop, uma cerveja SingleHop utilizando o lúpulo americano “Lemondrop”, o qual a Cevada Pura tem exclusividade de uso no Brasil até 2015.
  • Pilsener Lemondrop – 4,8%: A primeira cerveja do Brasil elaborada com o lúpulo norte-americano Lemondrop, conhecido como “Super Cascade”. A Cevada Pura Lemondrop é uma Pilsen Single Hop, com amargor equilibrado e aroma cítrico de limão, reforçado pela técnica de Dry Hopping. É a cerveja ideal para quem gosta do equilíbrio perfeito entre o amargor do lúpulo e a refrescância de uma pilsen nos dias quentes de verão.
  • 3tr Distribuidora
    A distribuidora apresenta no evento vários rótulos e lançamentos exclusivos. Para comemorar a edição de 2014 do Mondial de La Biere, a banda Matanza apresenta a versão em chope da sua cerveja e a banda Ratos de Porão também apresenta o seu chope. A distribuidora leva ao Mondial a e a XLager da cervejaria Palta.

    • Chopp Matanza IPA – India Pale Ale – 6,5%: Uma cerveja de Alta fermentação, de coloração alaranjada, notas de maltes especiais e grande presença de lúpulos cítricos americanos com teor alcoólico de 6,5%. Seu amargor é intenso e a cerveja pode ser harmonizada perfeitamente com carnes de caça e pratos condimentados.
    • Cerveja Unearthly Baptized in Blood – Munich Helles – 4,8%: A banda UNEARTHLY lança sua cerveja para comemorar a sua turnê de maior sucesso, a Baptized in Blood, uma Munich Helles com 4,8% de graduação alcoólica. Lançamento exclusivo no Mondial de La Bière, a cerveja agradará a fãs e apreciadores do estilo da cerveja.
    • Chopp Ratos de Porão Crucificados pelo Sistema – Red Ale – 6,%: Essa cerveja Red Ale, estilo tradicional irlandês, tem como principal característica sua cor avermelhada devido ao uso de boas quantidades de maltes especiais. Sabor levemente adocicado, com corpo médio-leve.
    • Palta XLager – Vienna Lager – 5,4%: Uma surpreendente carga de lúpulo para completar o corpo rico em maltes. Uma Vienna Lager turbinada que busca sua inspiração na delicadeza da agressividade. Sua característica principal é a combinação perfeita entre a sutileza do malte com a porrada do lúpulo.
  • Beer Maniacs
    A distribuidora levará para o Mondial vários Rótulos da Brooklyn Brewery e apresenta a novidade Brooklyn Blast.

    • Brooklyn Blast! – Imperial IPA – 8,4%: O Brooklyn fica no meio do caminho entre o Vale do Yakima e o condado de Kent na Inglaterra, ambos lugares mundialmente conhecidos pela produção de lúpulos. Então a Brooklyn Brewery mesclou as qualidades cítricas das espécies americanas com as propriedades únicas dos lúpulos do solo inglês para dar alicerce a esse monstro lupulado, utilizando mais de 2 quilos por barril! As variedades são um misto do que há de melhor nos dois países: Ahtanum, Simcoe, Willamette, Centennial, Palisade, East Kent Golding, Northdown, Challenger, e Fuggle. Os maltes Maris Otter e Pilsner alemão trazem solidez, balanço e ótimos sabores para essa cerveja dourada que é inacreditavelmente lupulada.
  • Buena Beer
    A importadora de cervejas belgas, traz com exclusividade algumas novidades da Delirium.

    • Deliria – Belgian Strong Gold Ale – 8,5%: Cerveja feita dentro da cervejaria apenas por mulheres. Tem um aroma muito equilibrado, com notas frutadas. Na primeira impressão temos um sabor ‘Chardonnay’, que depois evolui para um picante e leve aroma de lúpulo. O sabor também é muito equilibrado e as notas “frutadas” de chardonnay e maçã aparecem novamente com um leve amargor. Cerveja especialmente fabricada uma vez por ano, em comemoração ao Dia Internacional da Mulher.
    • Averbode – Blonde – 7,5%: A Abadia licenciou a cervejaria Delirium a produzir sua cerveja, e esta não fez por menos, criou uma cerveja leve e equilibrada, de deixar qualquer apaixonado por cerveja querendo mais. Uma cerveja muito especial, fina e elegante, com ‘multigrãos’ – malte de cevada, aveia e espelta (da família do trigo) – com lupulagem à cru para deixá-la mais ‘frutada’ e fresca.

Programação do palco do Mondial de Là Bière 2014mondial-de-la-biere-chopp

  • QUINTA-FEIRA – 20/11/2014
    • 15h30 – A ROTA CERVEJEIRA DO SUL DO BRASIL – bate-papo descontraído, dinâmico e informativo apresentará as belas rotas cervejeiras localizadas no sul do Brasil, especialmente nos estados de Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Com Rafael Rodrigues e Sady Homrich.
    • 17h – BATE-BAPO COM JEREMY MARSHALL DA LAGUNITAS BREWING COMPANY. Apresentação do cenário das cervejarias artesanais nos Estados Unidos nas últimas décadas, o começo da cervejaria Lagunitas e suas cervejas, o seu particular desafio como mestre cervejeiro e uma visão sobre os movimentos e as perspectivas nos Estados Unidos e em outros países promissores. Mediador: Tony Forder.
    • 18h30 – CERVEJA & MÚSICA – As intersecções entre duas grandiosas expressões da arte humana. Com Rene Aduan Jr. e Sady Homrich.
    • 20h30 – MAURICIO SAHADY E CLUBE DO BLUES – Com influências de Albert King, Otis Rush, B.B. King, Little Walter, Freddy King, Magic Sam, entre outros mestres, Mauricio Sahady e Clube do Blues traz ao festival o que há de melhor no cenário do blues brasileiro.
  • SEXTA-FEIRA – 21/11/2014
    • 12h – RODADA DE NEGÓCIOS – (ACCERJ e SEBRAE).
    • 15h30 – A ROTA CERVEJEIRA DO RIO DE JANEIRO – Apresentação das belas rotas de passeio e turismo cervejeiro, localizadas atualmente no Estado do Rio de Janeiro, especialmente na região serrana.
    • 17h – BATE-BAPO COM JEPPE JARNIT-BJERGSØ DA EVIL TWIN BREWING – Relato da experiência de vida de Jeppe Jarnit-Bjergsø como nômade cervejeiro e líder da Evil Twin Brewing. Um pouco sobre seu começo de carreira em Copenhagen, suas aspirações, as circunstâncias, os desafios, as histórias de sucesso, os fiascos e por fim a mudança para Nova Iorque. Mediador: Tony Forder.
    • 18h – CERIMÔNIA DE ABERTURA.
    • 18h30 – PREMIAÇÃO MBEER CONTEST BRAZIL.
    • 20h30 – CAFÉ IRLANDA – A banda traz a música tradicional irlandesa com uma pitada especial: o toque musical brasileiro. Conciliando a este, sonoridades de países que como a Irlanda, também possuem uma origem celta, o Café Irlanda consegue se manter autêntico e mostrar que hoje em dia a música tradicional, utilizando seus instrumentos étnicos, pode ser moderna e cativante.
  • SÁBADO – 22/11/2014
    • 15h30 – E VALE A PENA PRESTAR ATENÇÃO EM COPOS? OU SERÁ QUE ISSO É UMA FRESCURA? – Uma apresentação divertida e curiosa sobre vidros e copos. Dos vidros, a história, a composição, a execução e a artesania; dos copos, a importância no ritual de degustação, os desenhos por estilos de cerveja e a tradição. Com Bruna Felippe e Cilene Saorin.
    • 17h – BATE-BAPO COM PABLO RODRIGUEZ DA CERVECERÍA ANTARES – A evolução da cervejaria Antares nos últimos anos, o mercado argentino das cervejas artesanais, os formatos de venda de cerveja artesanal mais bem sucedidos, as barreiras e as ameaças que enfrentam o setor, a relação entre os diversos cervejeiros, a legislação de cervejas artesanais na Argentina, o futuro da categoria cervejeira, e as oportunidades compartilhadas entre Argentina e Brasil. Moderadora: Cilene Saorin.
    • 18h30 – NO RASTRO DAS CERVEJAS NO RIO, SOB A ÓTICA DA ACERVA RIO – Este encontro tem, como ponto de partida, a evolução de acesso às cervejas de diferentes estilos e pegadas na cidade do Rio de Janeiro, fazendo alusão ao crescente número de bares e restaurantes aplicados a este serviço. Tudo isso tem se dado de forma prodígio na cidade, porque existe um movimento importante e sólido por trás chamado ACERVA. Com Bernardo Couto, Tiago Dardeau e Pedro Aliperti.
    • 20h30 – ON THE ROAD – O grupo interpreta hits dos anos 70, 80, 90 e sucessos atuais. No repertório os maiores sucessos de feras do rock como Red Hot Chilli Peppers, Marvin Gaye, Rolling Stones, Eric Clapton, Sister Hazel, entre outros.
  • DOMINGO – 23/11/2014
    • 14h – CERIMÔNIA DE PREMIAÇÃO DO CONCURSO DE CERVEJAS APRAZÍVEL.
    • 15h30 – COMO CHEGAR À TERCEIRA IDADE BEBENDO BOAS CERVEJAS – De forma bem humorada, trataremos do assunto terceira idade e consumo consciente de cerveja. Como envelhecer com sabedoria, bebendo boas cervejas e driblando a aterosclerose, o câncer, as inflamações, Parkison, Alzheimer e – por que não? – a impotência. Com Katia Jorge e Ronaldo Rossi.
    • 17h – BATE-BAPO COM ALEXIS BRIOL DA BRASSERIE ST-FEUILLIEN – Histórias e peculiaridades da cervejaria sob o ponto de vista técnico, os diversos rótulos, e por fim a colaboração entre a Brasserie St-Feuillien e a Greenflash Brewing, a filosofia desta colaboração, as diferentes cervejas feitas nessa parceria e o impacto na forma de elaborar a cerveja. Mediador: Tony Forder.
    • 18h30 – RESULTADO CONCURSO PÚBLICO MBEER.
    • 20h30 – BIGTREP – Desde 1986 a Bigtrep vem mostrando em suas músicas não só a irreverência e vitalidade de suas duas principais influências: o rockabilly e o psychobilly, mas flertando com vários outros estilos que fizeram suas cabeças quando adolescentes.

mondial-de-la-biere-mapa

mondial-de-la-biere-expositores

Serviço:
O que: Mondial de La Bière – Rio de Janeiro
Quando: de 20 a 23 de novembro de 2014, das 14 às 23 horas.
Onde: Terreirão do Samba (Rua Benedito Hipólito, s/nº, Centro – Rio de Janeiro)
Ingressos: Preço a partir de R$ 35. Vendas pelo site: http://www.mondialdelabiererio.com

Luís Celso Jr.

Luís Celso Jr.

Luís Celso Jr. é jornalista e sommelier de cervejas premiado. Também é professor, juiz e consultor de cervejas

Leave a Reply