Brasil chega à 500 microcervejarias em 2017, aponta levantamento do Instituto da Cerveja

O Instituto da Cerveja Brasil divulgou nesta segunda-feira (19) um levantamento inédito sobre o mercado de cervejas artesanais do país. Trata-se de um consolidado que apresenta o número de microcervejarias brasileiras com fechamento em 2015, bem como seu histórico, e também dá estimativas e previsões para 2016 e 2017. Segundo os números, o Brasil deve chegar a 500 microcervejarias até o final de 2017.

O levantamento é fruto um trabalho de 2 anos e contou com a ajuda de centenas de microcervejarias, MAPA e associações regionais como Procerva, Apacerva e AGM, segundo o Instituto. O ineditismo do levantamento está no fato de ser um dos poucos números disponíveis nesse segmento, o primeiro num formato mais exaustivo. O material completo está disponível no site do Instituto da Cerveja, assim como um infográfico com os principais números em tamanho grande (abaixo está um em tamanho reduzido).

Ainda de acordo com o levantamento, 2015 terminou com 372 microcervejarias artesanais, um crescimento de 17% em relação à 2014, finalizado com 318. Ou seja, são 50 novas cervejarias, um crescimento equivalente a quase uma nova microcervejaria por semana. Segundo o levantamento, esse crescimento deve se manter para 2016, gerando uma estimativa de 432 microcervejarias até o final do ano.

Volume

Essas microcervejarias produzem 91 milhões de litros anuais de cervejas artesanais, o que equivale a 0,7% do mercado de cervejas do Brasil. Hoje o país é o terceiro maior produtor de cervejas do mundo, perdendo apenas para China e Estados Unidos, com 138,6 milhões de hectolitros em 2015. Segundo o levantamento, enquanto o mercado de cervejas artesanais cresce, o mercado de cervejas maistream, ou seja, do segmento mais popular, teve queda nos dois últimos anos: 2% de 2014 para 2015 e 1,8% de 2015 para 2016 (considerando números apenas de janeiro a outubro).

Localização das microcervejarias brasileiras

Outro número interessante é sobre a distribuição geográfica das microcervejarais pelo país: 91% delas estão localizadas apenas nas regiões Sul e Sudeste, concentradas em 6 dos 27 estados. Isso reflete exatamente a concentração econômica do Brasil que se dá também nestas duas regiões, segundo o levantamento. Outro fato é sobre o tamanho.

“Diferentemente do mercado americano, bem consolidado, onde já há várias cervejarias de médio porte atuando no mercado, a maioria das cervejarias artesanais brasileiras ainda são bem pequenas. O tamanho médio delas está em torno de 20.000 litros de cerveja/mês”.

Confira abaixo o gráfico:

Microcervejarias Brasileiras - Instituto da Cerveja Brasil

nv-author-image

Luís Celso Jr.

Luís Celso Jr. é jornalista e sommelier de cervejas premiado. Também é professor, juiz e consultor de cervejas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *