Notícias

Ogre Beer e Barbarium promovem oktoberfest em Curitiba neste sábado

Ogretoberfest: Ogre Beer e Barbarium promovem oktoberfest em Curitiba para comemorar "promoção" da cervejaria

Garrafas da Ogre Beer, que já estão entrando no mercado. Vale a pena provar!

Ogretoberfest! Esse é o nome da oktoberfest dos ogros, digo, cervejeiros da Ogre Beer, que será realizada em parceria com o Barbarium Beer Pub neste sábado (26) em Curitiba.

Se você nunca ouviu falar dessa cervejaria, deve estar estranhando o nome. Pois é. A ideia criativa e ousada já rola há algum tempo e dá nome ao grupo de cervejeiros caseiros fez história no Paraná: eles foram os vencedores do 3º Concurso Mestre Cervejeiro da Eisenbahn com a receita da São Sebá, uma Belgian Dubbel com pimenta. Lembra?

A festa ao estilo oktoberfest em Curitiba, no Barbarium, é justamente para comemorar a promoção da Ogre Beer à cervejaria, com rótulos devidamente registrados no Ministério da Agricultura e Pecuária. As cervejas do trio Sandro Sebastião Singer, Carlos de Manuel e Ricardo Ponestke Seara foram lançados no sábado (19) no Armazém da Serra, em Curitiba, e já estão em algumas lojas de Curitiba.

No dia da festa, estarão disponíveis em chope a Caldo de Bituca (Rauchbier), Chaparrita (Witbier com pimenta), Jacu do Mato (Strong Lager/Malt Liquor), Über Lager (Amber Lager/Califórnia Commom Beer) e a Brown Spider (Double Brown Ale). Estranhou os nomes novamente? É bom se acostumar…

Ogre Beer = Festa Ogra

Ogretoberfest: Ogre Beer e Barbarium promovem oktoberfest em Curitiba para comemorar "promoção" da cervejariaVoltando à festa, os ingressos estão sendo vendidos a R$ 15 (segundo lote) no próprio Barbarium, no Armazém da Serra (Mercado Municipal) e na loja do Mestre-Cervejeiro.com do Juvevê e dão direito a uma caneca. A festa também marca a inauguração da nova trave do Barbarium, com 22 bicos de chope. Além do 5 da Ogre Beer, alguns chopes que raramente aparecem em Curitiba estarão por lá, como Seasons Green Cow IPA de Porto Alegre, Providência Dunkel de Cascavel e a DAS Bier Stark de Blumenau.

Também marcam presença os importados, como os trapistas Chimay e La Trappe, e os locais Bier Hoff, Wensky, Klein Bier, Diabólica, DUM Cervejaria entre outros. Os chopes poderão ser comprados em 500 ml ou 250 ml. Os preços variam, mas segundo a organização estarão bem acessíveis, pois há várias parcerias com os fornecedores. Os copos de 500 ml custarão a partir de R$ 6, por exemplo.

Para alimentação, já estão confirmadas as participações do Curytiba Wurst – servindo lanches típicos alemães que não poderiam faltar em uma oktoberfest em Curitiba ou em qualquer outro lugar -, e o Don Kebab. No som, duas bandas de rock, com destaque para a Banda dos Cervejeiros, que já é tradição do Festival de Blumenau, com um repertório focado no bom e velho rock’n roll, principalmente da década de 90.

E ao longo do festerê, vários “Desafios Ogros” dos mais estranhos – o que não poderia faltar em uma festa ogra, claro! Além do campeonato de arrotos, modalidades como o Hell’s Chicken, onde os concorrentes vão ter que encarar as famosas asas de frango apimentadas servidas na casa com uma dose extra de picância e a Witbier Chaparrita. Uma maneira nada politicamente correta e descontraída de fazer uma oktoberfest em Curitiba.

Serviço: Ogretoberfest. Sábado (26), das 15h à 1h, no Barbarium Beer Pub (Rua Chile, 1765, Rebouças – Curitiba). Ingressos a R$ 15 e dão direito a uma caneca. Pontos de venda: Barbarium Pub, Armazém da Serra (Mercado Municipal) e loja do Mestre-Cervejeiro.com do Juvevê (Shopping Royal Street Center – Rua Barão dos Campos Gerais, 355, Loja 40). Mais informações pela Fan Page e Evento no Facebook.

Acompanhe o Bar do Celso nos sites de redes sociais

– Instagram

– Facebook

– Google+

– Twitter

– Foursquare

– YouTube

Luís Celso Jr.

Luís Celso Jr.

Luís Celso Jr. é jornalista e sommelier de cervejas premiado. Também é professor, juiz e consultor de cervejas

3 Comments

  • Mário Filho disse:

    Vamos mostrar que curitibano também sabe festejar. Estarei lá.

  • marcelo_X disse:

    eu fui, cheguei cedo 15h. tava bem vazio e ótimo. gostei das cervejas que tomei (7 tipos). gostei do preço do caneco cheio (em média 9 reais). Não gostei do meio caneco (em média 7 reais). Se o preço do meio fosse metade poderia ter experimentado 14 tipos….
    o lugar é legal, o som meio alto (mal de todas as casas noturnas). O caneco era de plastico, mas legal. Com a marca de meio caneco grafada (250ml).
    Experimentei 3 ogres pela primeira vez (chaparrita, caldo de bituca e jacu do mato). Gostei muito das tres. as outras 4 não lembro direito, uma Kubis? as outras lembro do gosto mas não lembro do nome…
    senti falta de um folheto com informações das cervejas.
    em resumo, achei muito bom, bom custo, com lugar e com poucas sugestões para ficar melhor ainda.

Leave a Reply