Breaking News
Home » Pergunte ao Celso » Quem inventou a cerveja? A resposta é: ninguém!

Quem inventou a cerveja? A resposta é: ninguém!

Dia desses me perguntaram quem inventou a cerveja. Fiquei meio perplexo num primeiro momento pois a resposta é simples. Mas, raciocinando um pouco, faz muito sentido. Grandes inovações da humanidade tem autores: a lâmpada, por Thomas Edison; o Google, por Sergey Brin e Larry Page; o avião, por Santos Dummond (foi mal irmãos Wright, mas essa é nossa!); etc. No caso da cerveja é um pouco diferente. Afinal, ela não foi inventada. Ela foi descoberta!

A data e localização exata não é uma certeza, afinal não havia escrita e a arqueologia não é tão precisa. Mas estudiosos apontam que foi perto de 9.000 AC ou 10.000 AC na Ásia Ocidental. Essa é a data provável das primeiras civilizações, as primeiras vilas que vieram a se tornar cidades e, o mais importante, o início da Era Agrícola. Nessa época, o ser humano deixa de ser nômade, coletando seu próprio alimento, e evolui para uma prática muito mais segura, que é plantar a sua própria comida.

Uma das muitas coisas que mudam é que antes não se fazia estoque de alimentos. Era mais fácil extrair ou caçar, comer, levar o pouco que sobrou para outro lugar viajando “leve”. No entanto, no novo modelo, havia abundância durante a colheita e um longo período sem colher nada, o que exigia estocagem. E o que isso tem a ver com a cerveja? Tudo!

Em um desses locais de armazenamento uma pequena quantidade de água – talvez da chuva – entrou, molhou os grãos, que eram o item preferido de consumo. Eles brotaram mas, sem terra, naturalmente secaram com o tempo. Quando voltaram a ser molhados, talvez pela mesma goteira, o líquido, açucarado pelo grão germinado começou a se transformar, fermentando naturalmente com leveduras e bactérias presentes no ar. E, pronto, temos a cerveja!

Por isso a pergunta ” quem inventou a cerveja? ” não faz sentido. A teoria mais provável é que a cerveja tenha sido descoberta por acaso.

A pergunta que fica é quem foi o corajoso que teve a ousadia de beber aquela papa pela primeira vez e disse que era bom!

A mulher não foi quem inventou a cerveja

Muitos atribuem a invenção da cerveja à mulher. É um erro. Afinal, se ela não foi inventada não pode ter um autor ou autora. E não se sabe exatamente quem bebeu aquele líquido pela primeira vez. Mas é fato que a mulher teve um papel essencial na história da cerveja. Dizemos que elas foram as primeiras mestres-cervejeiras.

Os primeiros indícios arqueológicos da cerveja datam de aproximadamente 6.000 AC e são da Suméria, antiga civilização localizada ao sul do que viria a se tornar a Mesopotâmia e hoje é o Iraque, no Oriente Médio. Trata-se de uma tábua com a imagem de pessoas bebendo cerveja. Na China, há indícios de cerveja em 5.400 AC, com a descoberta de resíduos da bebida em um vaso antigo.

Escultura egípcia de mulheres fazendo pão e cerveja – Wikimedia Common

Segundo estudiosos como Roaldo Morado, autor da Larousse da Cerveja, e especialista americano Randy Mosher, com o livro Tasting Beer, há outros documentos antigos que mostram que na época a produção de cerveja já era estabelecida e organizada, sendo usada como moeda de troca e mercadoria.

A mulher não foi quem inventou a cerveja mas, muito provavelmente foi ela que aprimorou o processo. As atividades caseiras eram na época responsabilidade delas, como fazer o pão, também derivados dos cereais. E, depois de descoberta, também passou a ser sua função fazer a cerveja. Técnicas como o bolo de malte – uma pré-preparação de uma massa feita com grãos germinados e seca –, usado para facilitar e adiantar produção da cerveja, são atribuídas às mulheres.

Por volta do ano 4.000 AC, as mulheres cervejeiras já tinham grande prestígio na sociedade Suméria e Babilônica. Alguns acreditavam até que tinham poderes divinos. O que também não é se se estranhar, já que não se conheciam os microorganismos e a fermentação da cerveja ocorria por obra dos Deuses…

Deuses, não, de fato era uma Deusa. Tal era a ligação do divino com a cerveja e as mulheres que a Deusa da agricultura Suméria, Ninkasi, também veio a se tornar a Deusa da Cerveja. O Hino à Ninkasi, que consta na peça Monumento Blau, também de 4.000 AC, narra uma receita de cerveja e seu oferecimento à Deusa. Essa é uma das mais antigas provas escritas da cerveja.

O resto é História

A partir daí, com a escrita, fica muito mais fácil rastrear os fatos do desenvolvimento da cerveja. Se você se interessou por esse texto, ” Quem inventou a cerveja? ” , aconselho os livros do Ronaldo Morado e Randy Mosher (esse último apenas em inglês) e tem muitos outros na nossa seção de livros.

Espero que tenha visto que não foram os Alemães, os Babilônicos nem ninguém quem inventou a cerveja. Isso tudo veio depois!

E se você tem uma dúvida sobre cervejas, entre em contato com a gente que o Celso gente responde ou acha quem responda. Use o formulário de contato do blog ou envie e-mail para contato@bardocelso.com com sua questão, seu nome completo e cidade que selecionaremos as melhores.

About Luís Celso Jr.

É jornalista, sommelier, juiz e consultor de cervejas. Fundou o BarDoCelso.com em 2006 e desde então se especializou cada vez mais, sendo hoje um dos principais e mais experientes profissionais do Brasil. Ficou em 3º lugar no 1º Campeonato Brasileiro de Sommelier de Cerveja, em 2014, e 6º nas duas edições seguintes. Foi um dos representantes do Brasil na 4ª edição do Campeonato Mundial de Sommeliers em 2015. Saiba mais sobre os serviços do BarDoCelso.com ou sobre o Celso .

Check Also

Brigadeiro de cerveja: qual a melhor escolha? – Pergunte ao cervejeiro

[Olá, pessoal. Já há algum tempo estou para abrir mais esse espaço aqui no Bar …

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE