Notícias

Pick Nick Bar leva o prêmio de Melhor Petisco do Boteco Bohemia

Divulgação/Rafael Danielewicz
Da esquerda para direita: o Edmundo, do Bar do Edmundo, Odisnei, do Pick Nick, e Aluísio, do Casa Velha

Salve, salve, pessoal! Postando diretamente da Festa da Saideira do Boteco Bohemia trago as novidades para vocês. O Oscar da noite, o prêmio de Melhor Petisco, foi para o Bolinho de Camarão do Pick Nick Bar. Uma surpresa entre os concorrentes. Trata-se de um dos bares mais tradicionais de Santa Felicidade, que há mais de 30 anos leva o velho espírito boêmio para o seu público.

Segundo o proprietário, o Odisnei Nunes, o bolinho de camarão demorou cerca de 15 dias para ser elaborado. Um trabalho de profundo esmero, dedicação e força de vontade. Além disso, diz ele, “ser reconhecido como melhor petisco é uma emoção muito grande. Este concurso, além de aprimorar o atendimento que fazemos diariamente, nos traz uma clientela de outras regiões da cidade e que não costumava frequentar o bar”.

O segundo colocado foi o Bola Cheia, do bar Casa Velha. Um bolinho de carne recheado com queijo.

O terceiro foi para o Bar do Edmundo, com o Espetinho Tropical (espetinho misto de camarão, pimenta de bico, abacaxi e croquete de batata-baroa).

Na categoria Melhor Ritual de Servir Bohemia o vencedor foi o Bar dos Passarinhos, seguido pelo Armazém Santa Ana e, em terceiro, o Bar Valentina.

Já quem levou o Melhor Atendimento foi o Casa Velha, que teve torcida com faixas e muita animação na Festa da Saideira! O Valentina ficou em segundo lugar e o Bar dos Passarinhos, em terceiro.

Ao todo, foram computados 14 mil votos, de acordo com a organização do evento. Na Festa da Saideira cerca de 2 mil pessoas puderam conferir os 20 petiscos, muitas Bohemias (inclusive a nova, Oaken), o show da Velha Guarda da Portela e a banda Bangalafumenga.

E como saideira da Festa da Saideira deixo vocês com duas músicas da Velha Guarda, que deu um show, literalmente. Os velhinhos mandam muito bem. Apreciem os dois vídeos que eu fiz ao vivo, via celular, da festa logo abaixo. Sem esquecer que tudo que sai aqui aparece antes no twitter do Celso. Não deixem de seguir. Abraços.

*****

Em tempo: Falando em eleição, gostaria de agradecer a todos que votaram no Bar do Celso para o Prêmio BlogBooks. Esse boteco virtual não ganhou em sua categoria, não virou livro, mas ficou com um honroso terceiro lugar. E já fiquei muito feliz em ter participado.

Além disso, como disse para alguns amigos, outros prêmios virão. O importante é até lá termos boas cervejas para degustar, amigos e aquele bom e velho papo de bar.

Luís Celso Jr.

Luís Celso Jr.

Luís Celso Jr. é jornalista e sommelier de cervejas premiado. Também é professor, juiz e consultor de cervejas

Leave a Reply